Rais partam isto

Textos que não interessam a ninguém escritos por um niilista agnóstico(seja lá isso o que for...)


« Home

Raios partam isto

Assim mesmo.
Frustrado por não encontrar um raio de um "username" que sirva a estes senhores do Blogspot, fugiram-me os dedos para o desabafo e ficou este o nome para o meu blog.
Entretanto, já com o dito baptizado, descobri um outro Blog chamado "raios partam a memória". Espero que este meu plágio involuntário não termine nos Tribunais...
Quero desabafar. Não quero diálogos. Desses estou eu farto!
Apetece-me, pois, criar um Blog. Para o desabafo (Para isso e para matar os 40 minutos que faltam para poder ir almoçar).
Atrai-me a ideia de publicar os meus pensamentos na certeza de que ninguém os lerá.
Atrai-me a ideia do "diário público".
Pensando bem nisso, creio que devia ter escolhido um "alias" para assinar... Bem, já está já está! E a verdade é que isto do diário não é bem assim... Não vou, concerteza, cometer a loucura de dizer que tenho saudades de uma "broca" ou que estou farto da minha mulher! Não, essas coisas não digo!
Quero falar sobre o tempo, sobre a conversa de circunstância na sala de espera do dentista, sobre a influência da barata africana na cultura europeia..., enfim, sobre tudo o que possa não interessar a ninguém.
Quero, acima de tudo, ter prazer a escrever. Fazê-lo sem complexos e com gozo. E se por acaso alguém acidentalmente por aqui passar espero que os meus textos possam substituir eficazmente os soporíferos que toma e que contribuam, assim, para o declínio da indústria farmacêutica.

1 Comentários inteligentes e algumas alarvidades “Raios partam isto”

  1. # Blogger Orquidea

    É a minha vez de ler o teu blog de uma ponta à outra...

    Diário público ou Diário Online? Onde é que eu já li isto...  

Enviar um comentário



© 2006 Rais partam isto |