Rais partam isto

Textos que não interessam a ninguém escritos por um niilista agnóstico(seja lá isso o que for...)


O "chico espertismo" nacional

Um dos clientes que mais admiro - homem de 66 anos, grande experiência de vida e inteligência muito acima da média - entrou há tempos para uma sociedade por quotas que tem mais uma vintena de sócios.
Ao fim de algum tempo começou a detectar algumas ilegalidades que prejudicam a generalidade dos sócios e possibilitam o favorecimento pessoal dos gerentes.
Ao fim de algum tempo conseguiu obter uma reunião com a gerência para expor a situação.
Foi ontem e a resposta fantástica dos gerentes ás ilegalidades em causa foi esta: "Ó senhor engenheiro, nós não temos tempo para ver as leis, nem para aturar quem as lê. O senhor passou a ser pessoa non grata nesta sociedade e agradecemos que saia!"
Escusado será dizer que este sócio gerente é uma figura política importante a nível local.
Citando o José Pedro Gomes num "Herman Enciclopédia" de fim de ano lá para os idos de 1989, "Tomara uma bombazinha atómica, p'ra ver se isto purifica!"

4 Comentários inteligentes e algumas alarvidades “O "chico espertismo" nacional”

  1. # Blogger Maria

    Chico espertismo = Cretinismo nauseabundo  

  2. # Blogger Ao Luar

    Hélder, ele é politico?
    Um politico que não se deixa enveredar por "esquemas"?
    Quando ele se candidatar a ministro avisa-me ;)  

  3. # Blogger Rafeiro Perfumado

    E não podias subtilmente meter aqui o nome do animal?  

  4. # Blogger Nanny

    Acho que isto já não vai lá nem com bombas atómicas, senão vejamos:
    - eram "eles" que as compravam e ainda metiam dinheiro dos nossos impostos nos próprios bolsos;
    - havia de ser tão bem apontada que morriam milhares de inocentes e "eles" estariam de papo pró ar nalgum Brasil, Índia ou sei lá!;
    - ainda havia de trazer agarrado um bilhete a dizer: "Caros portugueses, vocês são persona non grata neste País"  

Enviar um comentário



© 2006 Rais partam isto |